Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

Administrator
7.708 Visualizações

Huma_SH spotlight_image 1 .jpg

 

 

Situada no distrito de Stockwell, no sul de Londres, está uma casa vitoriana verde clara com uma porta rosa framboesa. Empurre a maçaneta de bronze no centro da porta, suba uma escadaria antiga e verá a luz do sol a derramar-se sobre uma cama vintage, situada num piso de madeira de tábua larga e encostada a paredes azul-turquesa arrojadas. Bem-vindo à casa da Superhost Huma, uma histórica casa de quatro quartos repleta de comodidades modernas.

 

"É uma sinfonia de estética deslumbrante", disse Mimi, de Viena, Áustria, apenas um dos muitos hóspedes que comentaram o estilo e decoração de Huma. "Cada pequeno detalhe é pensado com tanto gosto, e cada peça de mobiliário tem a sua própria história para contar."

 

Ao olhar para o cuidado que Huma teve na decoração, pode não perceber à primeira vista que ela não tem qualquer formação em design de interiores, apenas uma paixão pelo design de casas e desejo de cultivá-lo através da hospedagem.

 

A Superhost interrompeu momentaneamente a pintura de uma estante para partilhar como começou a hospedar, dicas para renovar uma casa antiga com um orçamento limitado e como equilibra a hospedagem com um emprego a tempo inteiro como editora de uma revista.

 

Tudo na sua casa é tão encantador e bem concebido. Baseou-se na sua experiência como editora?  

Eu trabalho como editora de uma revista de moda independente.  Mas interesso-me por interiores há muito tempo, muito antes de começar a trabalhar em revistas. Comecei a colecionar coisas para a minha primeira casa antes de a ter. Adoro coisas aleatórias como talheres e devoro revistas de interiores. Foi tudo em busca de como eu decoraria a minha primeira casa.

 

E depois decidiu canalizar isto para a hospedagem na Airbnb?

Bem, quando me juntei inicialmente foi em 2012, estavam a decorrer os Jogos Olímpicos, e todos falavam sobre quanto dinheiro se podia ganhar. Não planeava fazer uma fortuna, só preencher uma lacuna. Eu estava entre inquilinos e a vender o meu apartamento na altura. Foi apenas em 2016 que comecei a hospedar na minha própria casa. Antes disso, tive colegas de casa e decidi dar uma oportunidade à Airbnb com apenas um dos quartos. Pensei que seria temporário, mas um a um comecei a encher os quartos. Desde que o meu último colega de casa saiu no verão passado, os três quartos estão na Airbnb. Não havia plano, apenas evoluiu naturalmente e ganhou vida própria.

 

Fale-nos sobre a renovação da sua casa. Parece uma grande empreitada.

Esta casa foi uma grande renovação. Não quero saber quanto gastei nela, mas as coisas caras eram a mão de obra: construtores, canalizadores, estucadores, e coisas que não consigo fazer sozinha. Em termos de decoração, gastei muito menos dinheiro do que as pessoas possam pensar. Sou obcecada por pechinchas. Raramente pago o preço total de venda por alguma coisa. Muitos dos meus móveis são vintage, e encontro-os a preços muito baixos no eBay. Alguns foram de graça porque simplesmente encontrei-os. Como quando estava a visitar o meu irmão, vi uma cadeira e gritei: "Para o carro!" A forma da cadeira era muito bonita, e não estava infestada, temos sempre de verificar! Por isso, podia pintá-la. Posso transformar uma peça com ar envelhecido, desde que tenha uma boa base para trabalhar.

 

Acha que todas as suas procuras por pechinchas e pinturas valeram a pena?

Ah sim, acho que a principal razão pela qual as pessoas reservam o meu espaço é pela aparência dele, os interiores. Realmente reparam nisso e comentam.

 

Tem dicas para anfitriões que queiram redecorar, mas que possam sentir que o investimento de tempo ou de dinheiro é demasiado elevado?

Em primeiro lugar, a maneira mais barata de mudar uma divisão é pintar. Impacto por custo, pode-se fazer muito com tinta. Pessoalmente, acho que a tinta branca é uma má escolha. A menos que tenha um espaço industrial do tipo loft, é fria, desinteressante, e vai ficar muito suja rapidamente. A cor que mais uso é o cinzento. Consegue-se obter aquele pano de fundo neutro que combina com qualquer coisa, mas que é mais sofisticado do que o branco e não começa a parecer sujo tão rapidamente. Um cinzento claro é uma boa opção para as pessoas experimentarem se não estiverem habituadas a usar cores, porque combina com praticamente tudo.

 

Como equilibra o seu trabalho a tempo inteiro com a hospedagem?

Eu trabalho a partir de casa na maioria dos dias, de modo que realmente me permite a flexibilidade de hospedar. Se tivesse de estar num escritório o dia todo, acho que não conseguiria fazer isto. Tenho os dois ecrãs abertos e entro e saio da minha gestão e correspondência da Airbnb e do meu trabalho na revista. Nem sempre posso responder imediatamente, mas na maior parte das vezes respondo dentro de 30 minutos e os hóspedes geralmente ficam bastante impressionados e apreciam-no. Para não estar constantemente a olhar para o ecrã do computador, recebo notificações pela aplicação da Airbnb.

 

De manhã, quando tomo o meu café, certifico-me de que estou a par de tudo para poder planear o resto do meu dia. Mas tenho de estar sempre atenta, organizada, e pensar sobre o que tenho de limpar e preparar primeiro. O quarto vem sempre em primeiro lugar. A última coisa que queremos é que o quarto esteja meio preparado quando o hóspede chegar. Depois passo para as casas de banho.

 

Tem mais alguma coisa que gostaria de acrescentar?

No início, costumava preocupar-me se algum mês estivesse um pouco mais calmo em termos de reservas, mas aprendi a estar mais relaxada quanto a isso. Se estivermos a fazer o nosso melhor, bem, então as reservas chegam. Tenha confiança e fé no seu produto. Ah, e prepare-se para limpar e lavar roupa como nunca antes.



Etiquetas (1)
29 respostas

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
São Paulo, Brazil
Level 2

Gostei muito da Huma. História muito simpática e colabora para o entendimento do que é ser uma super host. Obrigada Huma por partilhar sua experiência. 

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Florianópolis, Brazil
Level 2

Que delícia sentir esse prazer no preparo para hospedar! Sou bem assim

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

Level 1

Muito boa a história de Huma. É sempre bom saber de como outros anfitriões estão se desenvolvendo e obter dicas com os mesmos. Obrigado Huma! 

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Distrito Federal, Brazil
Level 1

Muito obrigado pelas dicas!

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Petrópolis, Brazil
Level 1

Interessante

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Guarapari, Brazil
Level 2

Ótimas dicas e inspirações!!! Obrigada! 

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
São Paulo, Brazil
Level 1

I will stay at her  home when I will bé there! Dors she live there with thé guests?

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Rio de Janeiro, Brazil
Level 2

Parabéns à Huma!

Como disse Louis, Chevalier de Jaucourt,  " hospitality in the Encyclopédie, as the virtue of a great soul that cares for the whole universe through the ties of humanity."

 

 

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Belo Horizonte, Brazil
Level 1

Adorei as dicas. Os hospedes adoram receber dicas locais para necessidades variadas. Um  anfitrião que conhece bem sua região pode ajudar o hospede bastante.

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Brasilia, Brazil
Level 2

Gostei muito do relato de Huma.O prazer de bem receber.Dividir o bem-estar,bom gosto com outros pessoas não tem preço.Ao mesmo tempo que essas pessoas também ganham em aprendizado e história a contar.Experiência única. Jamais vivenciada num hotel.Eis a grande diferença: o acolhimento!

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
João Pessoa, BR
Level 1

Amei... Huma, brigada pelas dicas!

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Barueri, Brazil
Level 1

Adorei as dicas de Huma, tem muito bom gosto. Usar cores nas paredes ajuda na decoraçao, garimpar moveis tambem é uma alternativa com custo beneficio legal. Concordo com ela, depois que comecei a hospedar pelo airbnb aprendi a cuidar das roupas e oferecer o melhor para meus hospedes. 

Obrigada Huma!

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

Level 1

Gostei muito. Ótimas dicas para melhorar👌😎

Re: Design sem gastar muito: dicas da Superhost Huma

em
Niterói, Brazil
Level 3

Legal essa história. No meu AP na cidade serrana de São Lourenço (MG) passei a considerar TODAS as sugestões e necessidades dos hóspedes! 

 

Então, quando um casal com filhos pequenos sentiu-se preocupado com a falta de telas na varanda e janelas, em 24h consegui a instalação aproveitando os recursos da própria hospedagem, que tem servido exatamente para reinvestir no próprio imóvel.

 

Ao final de um ano, usando todas as sugestões dos hóspedes e recursos provenientes das locações, trocamos todos os móveis, roupas de cama e banho, colchões, instalamos box de blindex nos banheiros, adquirimos novos eletrodomésticos e TV e instalamos TVs nos quartos, além de Internet de alta velocidade e TV à cabo.

 

Enfim, modernizamos todo o apartamento, e tornamos o espaço muito mais atraente e receptivo, com tapetes, cortinas e objetos de decoração, como abajures e almofadas.

 

Desde então só temos recebidos elogios e adquirimos o status de SUPERHOST, e podemos desfrutar de um apartamento numa cidade aprazível sem que ele represente nenhum custo anual, pois todo custo operacional gasto com condomínio, luz, IPTU, Internet e TV à cabo são cobertos pelo AirBnb!

Participar da conversa